Seleção da Frente de Trabalho tem início no dia 8 de maio

817

A Prefeitura de Poá publicou decreto regulamentando a lei municipal nº 3.623 do Programa de Combate ao Desemprego e Incentivo à Qualificação Profissional, conhecido como Frente de Trabalho. Segundo o documento, é permitida a ocupação de 600 trabalhadores desempregados, com salários de R$ 802,85, auxílio cesta básica de R$ 135 e seguro de acidentes pessoais. A seleção será realizada de 8 a 12 de maio, das 9h às 17 horas, na Praça de Eventos.

Segundo a Secretaria de Indústria, Comércio, Emprego e Relações do Trabalho, além da ocupação e renda, a Frente de Trabalho oferecerá cursos de qualificação profissional para os participantes. O recrutamento do pessoal será feito mediante seleção pública, quando os interessados deverão comprovar residência em Poá por pelo menos dois anos. Essa inscrição valerá por dois anos. Isso aumenta o prazo de permanência do inscrito e a possibilidade de ser chamado.

A jornada de atividade no programa será de 40 horas semanais, sendo 35 horas de trabalho e cinco horas de qualificação profissional, que é obrigatória. Os candidatos inscritos no Programa de Combate ao Desemprego e Incentivo à Qualificação Profissional serão encaminhados para avaliação social e deverão ser aprovados por meio de relatório emitido pela Secretaria de Assistência e Desenvolvimento Social.

Os beneficiários já inscritos e atualmente contratados pela Frente de Trabalho terão seus contratos integralmente cumpridos.

Foto: Julien Pereira/Secom Poá

você pode gostar também Mais do autor