UBS do Jardim Nova Poá já conta com exames de raio-x

549

 

A Unidade Básica de Saúde (UBS) Dr. Cypriano Oswaldo Mônaco, no Jardim Nova Poá, voltou a oferecer exames de raio-x. O aparelho apresentou danos devido às fortes chuvas registradas na cidade. Segundo a Secretaria de Saúde, desde o registro do problema as equipes responsáveis pela manutenção do equipamento estavam empenhadas no conserto do mesmo, para que o serviço voltasse a ser oferecido à população o mais rápido possível. O vice-prefeito Marcos Ribeiro da Costa, o Marquinhos Indaiá e os vereadores Marcilio Duarth e Lázaro Borges estiveram na unidade para verificar a situação e conversar com a população.

“Fico muito feliz com o retorno do serviço à população, que estava precisando muito. Agora estamos trabalhando para que o raio-x do Hospital Municipal Guido Guida também comece a operar o quanto antes”, comentou o vice-prefeito Marquinhos Indaiá.

O secretário de Saúde, Greg Iassia Dias, explicou que o aparelho de raio-x do Hospital Municipal Guido Guida deve voltar a ser disponibilizado até o final deste mês. “Temos trabalhado muito nesta questão, pois sabemos da importância de oferecer este serviço à população, porém infelizmente situações herdadas prejudicaram a rápida solução deste problema”, afirmou.

A problemática do aparelho de raio-x do Hospital Municipal Guido Guida é uma herança herdada do governo passado, o qual deixou uma grande dívida com a única empresa que pode realizar o conserto do mesmo. Após diversas reuniões para resolver os débitos, a nova gestão conseguirá realizar a troca das peças necessárias.

“É necessário reforçar que está grande problemática foi registrada no município já que os equipamentos nunca tiveram contrato de manutenção preventiva e foram deixadas dívidas com as empresas responsáveis por consertos pontuais. Pedimos paciência aos munícipes e já conseguimos o conserto do raio-x da UBS do Jardim Nova Poá e uma solução para o aparelho do Hospital Municipal Guido Guida. Também estamos trabalhando pela efetivação de um contrato de manutenção preventiva, evitando assim o registro de futuros problemas”, reforçou Dias.

Foto: Julien Pereira/Secom Poá

você pode gostar também Mais do autor